A Rocinha possui um dos piores IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) do município do Rio; Gávea tem o melhor IDH. (Foto: Carlan Rocinha)
A Rocinha possui um dos piores IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) do município do Rio; Gávea tem o melhor IDH. (Foto: Carlan Rocinha)

Com a missão de diminuir a pobreza urbana e integrar ao tecido da cidade todos os segmentos da população, o Programa das Nações Unidades para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) está recrutando moradores de favelas para atuar no Programa Territórios Sociais. O trabalho é resultado de um acordo de cooperação assinado com a Prefeitura do Rio em abril deste ano.

A iniciativa dá acesso aos serviços públicos a moradores de dez favelas cariocas com os menores Índices de Progresso Social (IPS): Alemão, Maré, Chapadão, Pedreira, Vila Kennedy, Lins, Penha, Cidade de Deus, Jacarezinho e Rocinha.

Segundo os termos do acordo, a prefeitura vai investir R$ 3,5 milhões no programa, que faz parte das diretrizes do “Plano Estratégico da Cidade do Rio de Janeiro – Rio 2020: mais solidário e mais humano”. Um projeto-piloto foi realizado em 2017 e 2018, por meio de ações integradas com diversos órgãos municipais, e atendeu a 2.324 famílias. Nesta nova fase de ampliação dos Territórios Sociais, o objetivo é beneficiar cerca de 150 mil domicílios.

Para ser um Gestor Local é necessário estar cursando ou ter o ensino superior completo em áreas afins do programa. Além de ter perfil de liderança, também é necessário ter experiência em pesquisa, coleta de dados e/ou condução de entrevista.

Já o Agente de Campo exige o ensino médio completo. É necessário ter experiência em pesquisa, coleta de dados e/ou condução de entrevista.

A duração do contrato é de seis meses. Os interessados deverão enviar currículo somente até o dia 20 de maio de 2019 para brasil@onuhabitat.org colocando no campo assunto o nome da vaga e o nome da favela onde está se candidatando.

Total
127
Shares

Assine nossa newsletter

Receba por e-mail informações sobre a maior favela do Brasil.

VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR

Prefeitura desativa projeto ambiental na Rocinha

Moradores e responsáveis pelo projeto social “De Olho no Lixo” foram surpreendidos…

CPI das enchentes: vereadores farão uma vistoria esta semana na Rocinha

Rocinha é uma das favelas mais castigadas pelas chuvas este ano

Novos deslizamentos podem acontecer em 2020 se não houver obras na Rocinha, afirma defensora pública

Declaração foi dada durante audiência pública da CPI das Enchentes