Segundo a Brasscom, até 2024 o setor de tecnologia deve abrir 420mil novas vagas de trabalho. Foto: Divulgação.

A Recode, organização social voltada ao empoderamento digital, lançou uma iniciativa para apoiar a inserção de jovens no mercado de tecnologia, um dos mais promissores e com maior demanda de vagas no Brasil. O Recode Pro vai selecionar, até 4 de agosto, 120 jovens de comunidades e periferias do Rio de Janeiro para um curso gratuito e presencial em programação. As inscrições, abertas a quem tem de 18 a 29 anos com Ensino Médio completo ou com previsão de conclusão até dezembro deste ano, podem ser feitas no site https://recode.org.br/pro/.

Com o projeto, a Recode busca ampliar o horizonte de jovens brasileiros que perdem o interesse em estudar e correm o risco de serem excluídos do mercado de trabalho. Segundo o Banco Mundial (2018), o equivalente à metade da população entre 19 e 25 anos abandona os estudos. Ao mesmo tempo, a iniciativa quer atender a demanda por vagas qualificadas no contexto da crescente exigência por transformação digital e estimular a responsabilidade social de grandes empresas de tecnologia da informação e comunicação. De acordo com a Brasscom (Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia e Comunicação), o setor deve abrir 420 mil vagas até 2024.

“O Recode Pro se propõe a ser essa ponte que une jovens talentosos e motivados em busca de oportunidades a carreiras promissoras na área de tecnologia. Sabemos do potencial dos nossos jovens e conhecemos as demandas das empresas por profissionais de tecnologia. Vamos criar esse match”, explica Luisa Ribeiro, CEO da Recode.

Seguindo o DNA empreendedor da organização fundada há 24 anos, os jovens terão a chance de usar a tecnologia para propor soluções reais para desafios de suas comunidades.

Sobre a formação

A formação intensiva terá carga horária de 320 horas ao longo de 5 meses como programador full stack, profissional capaz de atuar em todas as etapas de desenvolvimento de um site ou aplicativo. O programa vai desenvolver nos jovens competências socioemocionais cada vez mais exigidas no mercado, como comunicação, colaboração, criatividade e resolução de problemas. Além disso, estão previstos benefícios como bolsas de estudos de inglês.

A preocupação com a inclusão e a diversidade também movem a iniciativa. No processo seletivo, haverá prioridade para mulheres, negros, pessoas com deficiência e com renda familiar até 3 salários mínimos. Para participar, não é exigida experiência prévia com tecnologia, porém é preciso concluir dois cursos online introdutórios da Recode. Os pré-selecionados participam de dinâmicas presenciais e entrevistas com profissionais do mercado, que levarão em conta fatores como motivação, interesse e disponibilidade dos candidatos.


Não perca essa chance!

Informações e inscrições: https://recode.org.br/pro/. Vagas abertas a pessoas entre 18-29 anos com Ensino Médio completo ou previsão de conclusão até dezembro de 2019, residentes no Rio de Janeiro. Prazo: 04/08/2019

Assine nossa newsletter

Receba por e-mail informações sobre a maior favela do Brasil.

VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR

Saiba como ser atendido pelo ônibus da ‘Justiça Itinerante’ na Rocinha

Serviço ficou suspenso por cerca de 1 ano e 5 meses

Startup oferece curso completo de programação

A Resília está selecionando jovens para ingressar no promissor mercado da tecnologia

Senac abre inscrições para cursos gratuitos na Rocinha no início de 2020

Unidade avançada terá nove turmas nas áreas de Hotelaria e Gestão

Inscrições abertas para cursos de férias no NEAM/PUC-Rio

São 8 tipos de cursos para jovens entre 14 e 24 anos